Mitos e Verdades Sobre Conservantes

Posted on Posted in Vida de prateleira

 

Porque utilizar conservantes em produtos alimentícios? Como evitar tanto desperdício de alimentos? Como obter produtos com maior vida de prateleira? Essas e outras perguntas podem ser respondidas através do uso de conservantes.

Atualmente, há uma grande preocupação da população na utilização de conservantes, porém o que muitos não sabem é que esses, há muito já são utilizados a fim de minimizar os efeitos negativos a que os alimentos estão expostos, conseguindo desta maneira aumentar a cadeia produtiva da indústria alimentícia.

Mas afinal de contas, como podemos conservar um alimento por mais tempo? Para responder a essa pergunta é importante saber como ocorre o processo de deterioração. Pode ocorrer por:

  • reações no próprio alimento;
  • interferência das condições climáticas;
  • condicionamento impróprio;
  • e/ou transporte inadequado até o destino final.

Às vezes, uma simples lavagem já é o suficiente para alguns tipo de alimentos serem conservados. No entanto, outros devem passar por um tratamento térmico e outros devem, ainda, conter em sua composição algum tipo de conservante.

É importante mostrar que os conservantes atuam para garantir a segurança dos alimentos. E, que se utilizados em concentrações adequadas e autorizados pela agência regulamentadora, ANVISA, atuam nas reações químicas e enzimáticas que ocorrem, inibindo ou até mesmo eliminando microorganismos que possam causar sintomas no ser humano. Para ser autorizado, são realizadas análises químicas, verificando os riscos de toxicidade, incluindo os limites máximos de ingestão. Lembrando que os conservantes nunca devem ser utilizados para mascar defeitos tecnológicos.

O uso do conservante permite maior disponibilidade dos alimentos, de forma a chegar na mesa do consumidor de forma segura, sem alteração nos efeitos sensoriais, e ainda com maior prazo de validade, evitando-se os desperdícios.

Mariana Tararam
aaa

2 thoughts on “Mitos e Verdades Sobre Conservantes

  1. Estou começando uma pequena empresa para a venda de geléias e antepastos. Já sabemos como esterilizar. Agora nossa dificuldade é: Que conservante devo usar nas geléias e antepastos para garantir vida mais longa nas prateleiras?

    1. Boa Tarde Iriane,
      Veja no nosso novo post “http://gepea.com.br/3-dicas-essenciais-na-escolha-conservante-ideal-para-seu-alimento/”, qual conservante você pode usar na fabricação das suas geleias e antepastos, lá tem dicas dos principais conservantes usados na indústria alimentícia. Caso tenha mais alguma dúvida, pode entrar em contato conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *